Marcia Rubin apresenta "Larga tudo em vem" em Petrópolis

“Larga tudo e vem,” novo espetáculo da Marcia Rubin Companhia de Dança, que em 2009 completou 15 anos, dá continuidade ao grande sucesso de crítica de 2008, o solo “Quase como se fosse amor”, indicado como um dos melhores espetáculos do ano pelo Jornal O Globo. A coreografia, criada e interpretada por Marcia Rubin, tem direção conjunta da bailarina e de Oscar Saraiva, uma parceria que já dura 20 anos.
“Larga tudo e vem” constrói um discurso que tem como tema o amor. O amor como uma disposição da alma, com suas imprevisibilidade e inevitabilidade. E sua capacidade de tornar vulnerável o sujeito apaixonado revelando, através da dança, o estado amoroso em sua dinâmica imprecisa e desconcertante. O espetáculo apresenta o discurso amoroso em suas solidão e plenitude e torna presente o outro, o ser amado, como condição de existência do discurso.
Segundo a coreógrafa, que usou como um dos pontos de partida para a criação da coreografia a canção “Oh my love” de John Lennon, o espetáculo fala sobre o estado em que as pessoas se encontram quando se apaixonam. Desde o amor romântico, com sua ilusão de plenitude, até o amor real, do qual nada se espera.

SERVIÇO
"Larga tudo e vem - um solo com Marcia Rubin"
Gênero: dança
Classificação: 14 anos
Duração: 50 minutos
Dia: 25 de março (quinta-feira)
Hora: 20h
Local: Theatro D. Pedro
Ingresso: R$ 20 (com 50% para descontos previstos em lei e para clientes Unimed Petrópolis)
Produção local: Petrópolis em Cena (Marise Simões e Francis Leoni)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.