A apresentação do espetáculo de dança Uma em Quatro, será realizada no próximo sábado, dia 03 de julho, a partir das 21h, no Theatro D. Pedro.
Aos 35 anos de carreira, 29 dedicados ao balé do Teatro Municipal do Rio, Ana Botafogo ainda não marcou a despedida dos palcos, mas fala em aposentadoria. Por isso, diz querer se aventurar em novos terrenos.
Uma em Quatro é o primeiro projeto de Ana Botafogo em um ano cheio de espetáculos e certezas. Uma delas é a de que não dançará mais alguns papéis que a tornaram famosa, como Coppélia e O Quebra-Nozes. A coreografia da apresentação é uma dança contemporânea com forte base na dança clássica e executada pelas principais solistas e primeiras bailarinas do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. O tema principal trata de quatro facetas, quatro personas, quatro partes de uma que está ausente, que não existe mais, só as lembranças persistem, como fantasmas, na sala escura de ballet.
A persistência do tempo, a persistência da obsessão pelo corpo, a persistência pelo glamour fácil, a persistência do Espírito Artístico, são quatro persistências entrelaçadas, sem moral nenhuma, apenas para fazer existir a lembrança da memória que o tempo varrerá. O cenário é uma sala de ballet onde a projeção se fará presente tanto para objetivar a leitura como para solucionar o espaço tecnicamente. A iluminação será um fator primordial para conduzir a emoção e conduzir a ação.
O fio condutor da apresentação é a volta de uma dançarina veterana à sua sala de ensaios. Através de lembranças, ela reencontra partes de si mesma em diferentes momentos da vida e da carreira. Bettina Dalcanale, Laura Prochet, Monica Barbosa e Priscilla Mota representam os quatro ‘eus’ da personagem-síntese, interpretada por Ana Botafogo — no espetáculo e na vida.
Ana Botafogo, tanto pela sua vivencia como pela sua técnica perfeita será a condutora para mundo mágico e profundo que vivencia no seu cotidiano: o mundo interno e externo do ballet. A apresentação no Theatro Dom Pedro, localizado à Praça dos Expédicionários s/nº, Centro, custa apenas R$40,00 (quarentareais) por pessoa e R$20,00 (vinte reais) para estudantes e maiores de 60 anos. As pessoas que ajudarem na Campanha da Solidariedade do Festival de Inverno doando 1quilo de alimento não perecível ou um cobertor antes das apresentações pagarão metade do ingresso.
SERVIÇO
3 de julho : sábado (jogo)
Local : Theatro D. Pedro
Horário : 21h
Atração : Ana Botafogo “ Uma em Quatro”
Direção e Coreografia: João Wlamir
Ingresso : R$ 40,00 / R$ 20,00

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.