Luz, câmera, ação. Falta 01 mês para o início das atividades do 2º Festival Nacional de Cinema de Petrópolis 2011, que será realizado entre os dias 05 e 12 de Novembro deste ano.

Podem concorrer produções nacionais de curtas e longas metragens de 35mm e digitais, ficção, documentários e animações. Em 2010 foram inscritos 110 filmes. Por conta da greve dos correios, as inscrições foram prorrogadas até o dia 12 de Outubro.
As inscrições começaram em 01 de Setembro e conta até o momento, com mais de 80 obras audiovisuais entre longas-metragens e curtas-metragens vindas de várias partes do país. Para participar os produtores e cineastas interessados devem acessar o site: www.festcinepetropolis.com.br , ler o regulamento, e proceder a inscrição de acordo com as instruções do link “Inscrições - Mostra Competitiva”.
O 2º Festival de Cinema de Petrópolis segundo os organizadores Pery de Canti e Inez Petri é uma grande oportunidade para os produtores brasileiros divulgarem seus trabalhos, bem como oferecer obras nacionais de qualidade aos petropolitanos. Para esta edição, os organizadores indicam que poderá ter um número menor de obras em relação a edição de 2010, por conta da greve dos correios.
O festival tem foco na exibição e distribuição de obras cinematográficas brasileiras, de formatos longas e curtas metragem, linguagens ficção, documentário e animação previamente inscritas no referido Festival, na Mostra competitiva 35mm & Digital, nas categorias voto popular e comissão de júri. Tais exibições acontecerão durante os 08 dias do evento, em três formatos, sendo um no Theatro D. Pedro, localizado no centro da cidade de Petrópolis, em diversos módulos (3 curtas metragens seguidos de 1 longa metragem) buscando assim “distribuir” as obras inscritas pelos horários disponíveis, o que possibilita a participação do público em todos os horários nos mais de 600 acentos. Cada obra será exibida pelo menos 2 vezes, em dias e horários distintos, visando, assim, beneficiar todos, obra e espectador, da melhor forma possível. Outro formato fará o movimento “inverso”, indo aos bairros onde a população está, em praças, pátios de escolas, ginásios, campos de futebol e ruas (o que melhor se adequar a logística) com telões montados ao ar livre para que todo os moradores daquela comunidade tenha a oportunidades de usufruir do produto. Também neste formato, haverá distribuição de cédulas de votação para os espectadores seguindo a coerência do voto popular. Neste caso, serão exibidas apenas as obras de classificação indicativa “livre”. Um terceiro formato, são tendas cinematográficas montadas também em bairros, com aproximadamente 150 lugares, e também com a votação popular.
Mas para isto, o projeto vem buscando patrocínio cultural junto a algumas empresas da cidade de Petrópolis. O projeto está aprovado na Lei Rouanet.
Todas as atividades do Festival, são inteiramente gratuitas. A programação será disponibilizada no site do festival em breve, com classificações indicativas.
Tradicionalmente o Festival também faz uma homenagem a nomes de destaque nacional na área de cinema. Já receberam essa homenagem no festival de cinema de Petrópolis em 2010, a atriz Ittala Nandi, o ator Stepan Nercessian, e o Cineasta Zelito Viana. Para esta segunda edição a organização do Festival fará divulgar no mês de Outubro o nome do(s) homenageado(s) desta edição.
O 2º Festival de Cinema de Petrópolis, conta com o apoio do Ministério da Cultura, Secretaria do Audiovisual, através da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, Apoios Institucionais da Prefeitura Municipal de Petrópolis, Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis, Theatro D.Pedro,  Petrópolis em Cena, Jornal Tribuna e Centro Cultural Raul de Leoni. O projeto é uma realização da Perfil Consultoria Cultural. (www.perfilconsultoriacultural.com.br).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.