Em homenagem ao centenário de nascimento de Nelson Rodrigues, a Fundação de Cultura e Turismo, através do Centro de Cultura Raul de Leoni, presta uma homenagem ao maior dramaturgo brasileiro. A série de celebrações abrange, não só a natureza recorrente do escritor que se destacou por suas peças teatrais, crônicas esportivas, contos e adaptações cinematográficas, como também se estende ao universo das artes plásticas. E foi o pensamento voltado para uma proposta diferenciada que fez brotar a idéia de uma exposição de Artes Visuais que apresentasse criações originais conceituadas a partir do temas de algumas das suas principais obras dramatúrgicas, bem como uma outra exposição com foco na vida e na multiplicidade criativa do polêmico autor.
A exposição coletiva de artes visuais “A vida como ela é...” reúne trabalhos inéditos de artistas plásticos brasileiros, a maioria residente em Petrópolis. Cada um deles apresenta uma obra que foi livremente inspirada numa peça teatral entre as 17 que foram escritas pelo autor dos famosos contos que dão nome à mostra. As linguagens expostas mostram instalações, fotografias, telas e desenhos. Artistas expositores: René Amaral (Toda nudez será castigada); Cia Articulação (Boca de ouro); Rosa Paranhos (Álbum de família); Claudia Ribeiro (Vestido de Noiva); Cláudio Partes (Anjo Negro); Roberto Francovalente (Os sete gatinhos); Tarzan (Dorotéia); Sandra Vissotto (A serpente); Flávia Miranda (O beijo no asfalto); Jarbas Paollos (Senhora dos afogados); Aline Castela (Nelson por ele mesmo).
A outra exposição comemorativa, “O homem proibido”, será uma mostra multimídia sobre o homem Nelson Rodrigues. A exibição utiliza todo o espaço expositor centrado na sua vida e na sua obra. Sua genialidade, seus costumes, sua ousadia, sua tragédias, sua filosofia e sua criatividade. O jornalista, o dramaturgo, o cronista, o pensador, o criador ousado. As multifaces de um escritor que narrava a realidade nua e crua. O cenário foi dividido em três dimensões: “O jornalista”; “À sombra das chuteiras imortais” e “Teatro, vida e drama”.
“O anjo pornográfico em foco” é o título do debate-papo com o ator, dramaturgo e pesquisador Sidney Carneiro (Tarzan), os professores Marcelo Fernandes e Henrique dos Reis, mediado pelo compositor e ator Marco Aurêh (Gerente do Centro de Cultura Raul de Leoni). Trata-se de um encontro informal que abordará a vida e a obra de Nelson Rodrigues. Suas manias, sua filosofia, suas tragédias e conquistas.
“A Falecida” foi a primeira tragédia carioca de Nelson Rodrigues. A peça revolucionou o teatro brasileiro da época ao abordar uma temática focada no subúrbio do Rio de Janeiro. O autor colocou suburbanos frustrados e fracassados como protagonistas. A poesia foi trocada por metáforas e pela linguagem coloquial para retratar fielmente a zona norte carioca. Os alunos da atriz e professora Simone Gonçalves farão uma leitura dramática da peça no Teatro Afonso Arinos.
audiovisual rodriguiano
A obra de Nelson Rodrigues adaptada para as telas não poderia ficar de fora do ciclo de homenagens ao genial escritor. O diferencial fica por conta da série “A Vida como ela é...” lançada em DVD que mostra quarenta episódios dirigidos por Daniel Filho, adaptados por Euclydes Marinho. “A vida como ela é...”, como obra literária, nasceu de uma coletânea de cem contos publicados na coluna de mesmo nome pelo autor Nelson Rodrigues, no jornal Última Hora, do Rio de Janeiro, entre os anos de 1951 e 1961. Os textos chamam a atenção por sua temática popularesca e polêmica, de grande apelo sexual, em que Nelson Rodrigues, com seu quê de crueldade, desnuda o pudor da sociedade e sacia a fome de perversão de seus leitores. Sua adaptação teleaudiovisual por Daniel Filho transforma o texto em sons e imagens e nos faz questionar o resultado dessa passagem com muita atenção à tela. A qualidade é inquestionável, a direção é impecável e o elenco trás nomes como Maitê Proença, Malu Mader, Débora Bloch, Giulia Gam, Tony Ramos, Marcos Palmeira e José Wilker como narrador. Confira a programação dos curtas subdivididos em quatro módulos.

PRIMEIRA SEMANA
A vida como ela é...(I) episódios: O Monstro; Divina Comédia; Quem Morre Descansa; O Grande Viúvo; Gagá; O Homem Fiel; O Decote; A Grande Pequena; Casal De Três; O Anjo.

SEGUNDA SEMANA
A vida como ela é...(II) episódios: Gastrite ; Para Sempre Desconhecida; Uma Senhora Honesta; Covardia; Fruto Do Amor; Marido Fiel; Viúva Alegre; Cheque Do Amor; O Pediatra; O Único Beijo.

TERCEIRA SEMANA
A vida como ela é...(IIi) episódios: Delicado; Vontade De Amar; A Esbofeteada; A Futura Sogra; O Homem Que Não Conhecia O Amor; Fome De Beijos; Sem Caráter; Sacrilégio; Pai Por Dinheiro; Teresinha.

QUARTA SEMANA
A vida como ela é...(Iv) episódios: Curiosa; Amor Mercenário; Desprezada; Boa Menina; Mártir; Dama Da Lotação; Enciumada; O Padrinho; Pacto De Amor E Morte; A Grande Mulher.

OBS: Nos dias 30 e 31 (segunda e terça) será reexibido o módulo I

OBS: Todos eventos com entrada franca

SERVIÇO
A VIDA COMO ELA É...
Exposição coletiva de artes visuais
Galeria Aloísio Magalhães
Centro de Cultura Raul de Leoni
Visitação: De 06 a 29 de julho de 2012
De terça-feira a domingo, das 13h às 18h
Classificação: desaconselhável para menores de 14 anos

O HOMEM PROIBIDO
Exposição multimídia sobre Nelson Rodrigues
Galeria Djanira
Centro de Cultura Raul de Leoni
Visitação: De 06 a 29 de julho de 2012
De terça-feira a domingo, das 13h às 18h

O ANJO PORNOGRÁFICO EM FOCO
Debate-papo sobre Nelson Rodrigues com o ator e dramaturgo Sidney Carneiro (Tarzan) e os professores Marcelo Fernandes e Henrique dos Reis
Dia 12 – às 19h30
Teatro Afonso Arinos
Centro de Cultura Raul de Leoni
Classificação: desaconselhável para menores de 14 anos

A FALECIDA
Leitura dramática – Alunos de Simone Gonçalves (Ciranda das artes)
Dia 19 – às 19h30
Teatro Afonso Arinos
Centro de Cultura Raul de Leoni
Classificação: desaconselhável para menores de 14 anos

AUDIOVISUAL Rodriguiano
De 03 a 31 de julho
De segunda a sexta (19h), sábados (17h)
Cine Humberto Mauro
Classificação: 12 anos
Informações: 24 - 2233 1233 / 2233 1221         
FONTE:  Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.