Petrópolis, Paris e Rio de Janeiro surgem diante de nossos olhos de forma admirável na exposição do fotógrafo Sebastião Barbosa. As cidades estão registradas em fotografias obtidas com latas e caixas comuns, dotadas de um simples orifício para capturar a luz. Sem lentes, dispositivos de controle e nenhum outro recurso. A exposição Perguntas Inquietantes, que começa dia 17/8 na Galeria Aloísio Magalhães, surpreende.
Com mais de 50 anos de carreira, Sebastião Barbosa transitou com destaque pelas diferentes formas de expressão da fotografia. A longa experiência adquirida nas áreas de jornalismo e publicidade permitiu que ele chegasse à arte pura e simples. O fotógrafo dedica-se agora a resgatar as origens da técnica que pratica.
“A mágica se perde quando pegamos um aparelhinho como os de hoje, com tudo automatizado, e registramos as imagens de forma banal. Quero resgatar a magia da fotografia. No meu trabalho, realizo meus sonhos e delírios”, explicou o artista.
Mais de mil latas e caixas foram utilizadas na produção das fotos. A maioria, comprada de moradores de rua no Rio e em Paris. Os resultados obtidos, assim como as próprias câmaras improvisadas que os originaram (montadas em uma instalação) poderão ser conferidos de 15 a 31 de agosto.

OFICINAS
Sebastião Barbosa quer ir além: vai ministrar oficinas gratuitas para ensinar a técnica a 90 visitantes de sua exposição. Ele aposta que outros artistas podem surgir no futuro, a partir do conhecimento que pretende passar.
“O normal é o artista dizer que é impossível alguém reproduzir o que ele fez, mas não é. Basta dominar a técnica necessária”, garante. E, acrescenta: “Para mim, o mais importante é a linguagem fotográfica. Todas as minhas exposições são da fotografia, em primeiro lugar. Em segundo plano é que vem o Sebastião Barbosa.”
Os interessados na oficina devem fazer sua inscrição no primeiro dia da mostra. Elas serão ministradas uma semana depois e os participantes terão direito à revelação de suas imagens no carrinho-laboratório criado pelo fotógrafo e a ver seus trabalhos incluídos na exibição.
A Galeria Aloísio Magalhães fica no Centro Cultural Raul de Leoni. Endereço: Praça Visconde de Mauá, 305, Centro. Telefone: (24) 2233-1200. Para mais informações, Disque Turismo: 0800 0241516

SERVIÇO
Exposição: Perguntas Inquietantes
Data: de 17/08 a 31/08
Local: Galeria Aloisio Magalhães, no Centro Cultural Raul de Leoni
Endereço: Praça Visconde de Mauá, 305, Centro
Telefone: (24) 2233-1200 ou Disque turismo: 0800 024 1516
Horários de visitação: de terça-feira a sábado, das 13h às 18h e domingo, das 13h às 17h
Entrada franca


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.