A partir do dia 29 de abril, o Museu Imperial irá disponibilizar diariamente, em seu porta
l da internet e no site do Consulado dos Estados Unidos, o conteúdo do diário de d. Pedro II, relativo à viagem feita ao território estadunidense, de abril a julho de 1876. São 43 cadernetas manuscritas que fazem parte do acervo do Museu. Tais documentos são tão importantes que mereceram o Prêmio Memória do Mundo da UNESCO, o equivalente ao prêmio concedido ao patrimônio edificado, mais conhecido como Patrimônio da Humanidade. Os posts serão publicados até o dia 07 de julho no endereço www.museuimperial.gov.br.
A data escolhida para iniciar as postagens não foi ao acaso, já que no dia 29 de abril foi escrita, justamente, a primeira anotação do imperador. “Vamos seguir a lógica do diário, trabalhando com textos adequados a linguagem atual e incluindo imagens de época para acompanhar”, explica do Diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente Ferreira Jr.
Segundo o Diretor, no diário, é possível ler comentários sobre cada local que d. Pedro II visitou, além de sua participação na Exposição Universal da Filadélfia, comemorativa do Centenário da Independência dos Estados Unidos. “Tudo é muito detalhado”, finaliza Maurício, relembrando ainda uma parte do texto citada no diário de bordo: “Vejo a Ilha de Bedloes onde será instalada a estátua da Liberdade feita em Paris" (7.7.1876).

SERVIÇOS
Museu Imperial/Ibram/MinC
Endereço: Rua da Imperatriz, 220 – Centro – Petrópolis, RJ
Telefones: (24) 2233-0300
Twitter: @museuimperial

Visitação: de terça a domingo, das 11h às 18h
Jardins: de terça a domingo, das 8h às 18h

Preços:
Adultos: R$ 10,00
Estudantes, professores e maiores de 60 anos: R$ 5,00
Menores de 7 anos e maiores de 80: gratuito
Moradores de Petrópolis e petropolitanos, às quartas-feiras e no último domingo do mês: gratuito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.