A Festa Literária da Serra Imperial vai ocorrer de 30 de agosto a 2 de setembro

Machado de Assis será o homenageado da Flisi (Divulgação)

A Casa da Educação Visconde de Mauá foi escolhida para sediar eventos da – Festa Literária da Serra Imperial (Flisi), realizada pelo Instituto Oldemburg. Na programação, apresentação do Coral das jovens princesas de Petrópolis e Coral dos Anjos, inauguração da Sala de Leitura Antônio Callado, sessão especial do Cineclube Mauá, com exibição de um documentário sobre Antonio Callado, além de rodas de conversa.
A Flisi reúne poetas, escritores e apaixonados pelas letras mobilizando centenas de pessoas, um instrumento vivo de mobilização cultural em prol do livro e da leitura na região serrana do Estado do Rio.
 “Agradeço ao Instituto Oldemburg pela realização dos eventos na nossa Casa da Educação, um lugar que conta com a visita diária de muitos alunos da rede municipal. Sem dúvida será um momento enriquecedor para Petrópolis nossa rede municipal de Educação”, disse o secretário de Educação, Anderson Juliano.
O intuito do evento é o de incentivar o visitante a conhecer novos escritores, estimular o pensamento crítico, valorizando a comunidade cultural da região e do entorno de Petrópolis.
Este ano, o grande homenageado da Festa Literária da Serra Imperial, a FLISI, é Machado de Assis. Outro homenageado é Antonio Callado, com a exposição Quarup, que revive o mágico romance sobre os índios do Xingu, que será exposta na Casa da Educação Visconde de Mauá. A FLISI vai homenagear também o educador Paulo Freire, que revolucionou a pedagogia com seu método de despertar a consciência crítica dos alunos, através das oficinas literárias que serão realizadas para as crianças e os jovens na Casa da Educação.
 “Estamos muito felizes com a participação da Casa na Festa Literária da Serra Imperial, escolhida com muito carinho por ser um local histórico e de grande importância para a cidade de Petrópolis. Temos certeza que o evento será um sucesso”, diz Cristina Oldemburg, presidente do Instituto Oldemburg de Desenvolvimento.
“Para mim, diretora da Casa da Educação, mas, ao mesmo tempo escritora e editora, idealizadora e coordenadora de festivais literários é uma conquista imensa abrir nossas portas para esse presente que é a FLISI. Nossa equipe está toda envolvida para contribuirmos da melhor forma para que seja um sucesso. Todo incentivo à leitura vai de encontro ao sucesso da Educação. Sem livros não há Cultura”, contou Catarina Maul.

Confira a programação dos eventos na Casa da Educação:
No dia 31 de agosto, às 13h30, tem apresentação do Coral “As jovens princesas de Petrópolis”, regência Rodrigo D’ávila. Já às 14h, acontece a inauguração da Sala de Leitura Antônio Callado, com mil exemplares literários. Também nesse dia, das 17h às 19h vai ocorrer o espaço da literatura petropolitana e às 19h, sessão especial do Cineclube Mauá, com exibição do documentário Antonio Callado. A mediação ficará por conta do historiador Norton Ribeiro.
No dia 1º de setembro, a programação começará às 9h30 com visita guiada a exposição Quarup e Vivências literárias. Às 14h tem lançamento do projeto "20 Anos sem Paulo Freire", com exposição sobre a Vida e a obra do autor. Já às 15h30, apresentação do Coral Dos Anjos, regência Danilo Henriques. Após, ocorre mais uma etapa do espaço da literatura petropolitana. No dia 2 de setembro, às 11h tem visita interativa à FLISI.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.