Iniciativa de moradores e empresários de Petrópolis/RJ ajuda e dá assistência continuada aos desabrigados das chuvas na Região Serrana
Acaba de ser criada a Abrace a Serra, uma iniciativa de moradores e empresários de Petrópolis/RJ que vem ajudando as pessoas que sofreram com os desastres provocados pelas recentes chuvas na Região Serrana do Rio de Janeiro. A Abrace a Serra não tem fins lucrativos nem políticos.
O projeto serrano atua recolhendo doações e promovendo a captação de recursos através da promoção de uma série de atividades (veja os detalhes abaixo) encabeçadas por gente famosa do mundo artístico e empresarial. O público poderá se informar mais sobre a Abrace a Serra através dos meios de comunicação, alertando e pedindo apoio à população.
Essas e outras informações estão no site ww.abraceaserra.org, que serve para centralizar as ações, além de divulgar, registrar, arrecadar e cadastrar.
Na agenda da Abrace a Serra estão ainda previstos shows beneficentes em diferentes lugares das cidades serranas com artistas que já manisfestaram interesse em ajudar como Djavan, Lenine, Toni Garrido, Alcione e Arlindo Cruz. Eles se apresentam dia 27 de fevereiro, no Parque de Exposições de Itaipava. O evento será apresentado pelos atores Thiago Lacerda e Heloisa Périssé. Venda de camisetas com a estampa Abrace a Serra e leilões virtuais de vários produtos entre eles camisetas de times de vôlei e futebol autografados por ilustres jogadores.
O projeto fará os repasses diretamente às famílias das vítimas, sem que estes sejam geridos por qualquer órgão publico. Não haverá doações em dinheiro para as famílias. A prestação de contas, com os custos das iniciativas e com a aplicação dos recursos, será apresentada às empresas patrocinadoras. Estas informações também estarão disponíveis no site www.abraceaserra.org. Além da descrição das contas da campanha, toda contabilidade será feita por empresa de auditoria para que a receita e repasses da campanha sejam auditados a fim de comprovar seu caráter beneficente e filantrópico.
De acordo com Roberto Ribeiro, um dos sócios do Tamboatá, a preocupação maior da Abrace a Serra é a manutenção na assistência às vítimas da tragédia. “Queremos garantir que existirá uma assistência contínua na próxima fase, a reconstrução. E fundamental criar ações para preservar o moral da população e restabelecer a normalidade social”, ressalta. Roberto adianta que “a Abrace a Serra está se estruturando para virar uma ONG ou Instituição ». E garante que não « vai parar por aqui, nesse incidente ».
A Abrace a Serra vem auxiliando a população da região desde o dia seguinte da tragédia. Destribuíram quentinhas e as levaram a locais totalmente isolados. “Isso durou dez dias. Nesse meio tempo, recebemos e distribuímos vários donativos a várias localidades, e graças a uma vasta relação de amigos com jeeps e carros 4X4, chegamos a locais onde nem o socorro havia chegado ainda. Percebemos, pela destruição que vimos, que a ajuda teria que ser muito mais que água, comida e roupas. Seria necessário dinheiro para reconstruir casas e vidas », sublinha Roberto.
A Abrace a Serra também conta com a ajuda da Minha Ajuda Sua Casa (MASC), que tem experiência e braços em todas as cidades atingidas. Em conjunto, querem construir 150 casas no Vale do Cuiabá. O INSTITUTO DA CRIANÇA também se aliou à iniciativa serrana.

INICIATIVAS
Grandes Shows Beneficentes – Petrópolis, Teresópolis e Friburgo
Primeiro show, Petrópolis
Local: Parque de exposições de Itaipava.
Data: Domingo 27 de fevereiro.
Estimativa de publico: 15 a 20 mil pessoas.
Produtor musical responsável, Max Viana
Artistas confirmados a participar do show doando seus cachets: Djavan, Lenine, Toni Garrido, Alcione e Arlindo Cruz.

Pocket Show Beneficente
Um show mensal no Tamboatá, com um artista de renome nacional.

Camisa - ABRACE A SERRA
As Camisas com a logo da Abrace a Serra estão sendo feitas pela marca Feranda e outras empresas. Observação: A empresa textil Ikinha Malhas forneceu a malha para a confecção de camisetas.

Leilão virtual
O leilão vai ter a chancela La Mansarde. Ítens já disponíveis:
Chapéu country, autografado pelo cantor Daniel.
Serigrafia do artista Inos Corradin com 50X70.
Camisa de vôlei da Unilever com assinatura da Fabi e do técnico Bernardinho.
Camisa do Vasco com assinatura dos jogadores.
Camisa do Grêmio com assinatura dos jogadores.
5 Camisas do Botafogo com assinatura dos jogadores.
7.000 camisas alusivas ao evento.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.