Alegria e descontração tomam conta da festa do funk

O cantor Buchecha, uma das referências do funk melody, é a grande atração da noite de sexta-feira, 20 de abril, no Tamboatá, a melhor casa de shows e club de Itaipava. Tocando os seus principais sucessos, ele volta à noite petropolitana e promete contagiar a galera com seu vasto repertório. A casa abrirá a partir de 22h. Nas pick ups os residentes DJ Vinícius Magalhães e o VJ Scali.  
Buchecha, sempre lembrado pela sua dupla formada com Claudinho, contagia o público com a sua animação e carisma. Os amigos formaram o duo funk mais famoso dos anos 90. É fácil lembrar dos hits da dupla como “Só love”, “Xereta”, “Coisa de cinema” e “Conquista” que marcaram a trajetória do funk no Brasil.
Celebrando 15 anos de sucesso, Buchecha lança esse ano o seu primeiro DVD. Gravado no Pepsi On Stage em Porto Alegre , ele tem a participação especial dos cantores Belo e Jorge Vercilo. Uma das novas músicas, “Hot Dog” está na trilha sonora da nova novela Avenida Brasil da TV Globo.

Buchecha em dupla e em solo
Com a agenda lotada e se apresentando nas melhores casas noturnas do país, Buchecha, ou Claucirlei Jovêncio de Souza, é um dos representantes mais bem-sucedidos do movimento social do funk que mobilizou os subúrbios cariocas. Seu show também é solicitado para micaretas, feiras agropecuárias, eventos empresariais, entre outros.
Sua história musical começa aos 17 anos com o amigo Claudinho. Em 1993, representando a comunidade do Salgueiro com o rap “Bandeira Branca”, Claudinho e Buchecha foram os vencedores do 1º. Festival de Rap do Clube Mauá. A partir daí eles começaram a trajetória de sucesso. Com o “Rap do Salgueiro”, em 1995, eles conquistaram o primeiro lugar na segunda edição do festival.
A dupla gravou seis CDs. O primeiro disco, intitulado “Claudinho e Buchecha” foi em 1996. A produção foi de Memê Mansur. No trabalho, uma versão de “Tempos Modernos”, de Lulu Santos. O hit do disco foi “Conquista”. Foram vendidas mais de um milhão e duzentas mil cópias. As coreografias e os refrões da dupla encantaram o público.    
O sucesso se repete no segundo disco. Intitulado “A forma”, o CD lançado em 1997 alcançou a marca de um milhão de cópias vendidas. No contexto as músicas “Quero Te Encontrar”, “Só Love”, “Xereta”. “Coisa de Cinema”, “Fico assim sem você”, entre outros.
Com a morte de Claudinho em julho de 2002, depois de seis meses fora da música e ainda muito abalado emocionalmente, Buchecha parte para carreira solo. Em 2003 ele lançou um CD pela Universal Music, também produzido por Memê. Nele participações especiais de George Israel, Carlos Coelho e Max de Castro. Três anos depois chegou o CD “Buchecha Acústico”, distribuído pela Sony-BMG, com os antigos sucessos repaginados e tendo ainda a participação especial de Lulu Santos.
Em produção independente chegou o disco de inéditas “Romântico com Elas”, em 2010. A faixa título é a canção “Romântico”, de R. Araujo e Jefferson Junior. Buchecha mantêm no CD a vertente que o consagrou com músicas repletas de juras de amor. A direção foi de Allan Chilleno com participação especial dos amigos D’Black, Jessy-K e Grazy, da dupla Dolls.
Buchecha confessa que com a perda de Claudinho quase desistiu da carreira. “O que me incentivou a continuar foi o apoio do público”. Ele tem muita facilidade para compor. “Quando vou compor sempre tenho um dicionário ao meu lado. Como estudei somente até a 4ª. série, o meu repertório de palavras fica restrito. Com a melodia é mesmo uma questão de inspiração”, afirma Buchecha.

SERVIÇO
Tamboatá
Buchecha
Sexta-feira, 20 de abril, a partir das 22h
Estrada União e Indústria, 12.360
Itaipava – Petrópolis/ RJ
(24) 2222-5007 – www.tamboata.com.br
Censura: 18 anos
Capacidade: 650 pessoas pista/250 camarotes
Entrada:
Pista feminina: R$ 20,00
Pista masculina: R$ 25,00
Camarote feminino: R$ 35,00
Camarote masculino: R$ 45,00

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.