Com concerto “O império brasileiro e sua música”, IMCP vê novo mercado para a música clássica: o turismo

“Foi uma apresentação encantadora, de altíssima sensibilidade, percepção musical e musicalidade. Imaginava assistir mais um coral e tive uma grata surpresa”. A opinião é do músico carioca Marcus Miranda, que visitou a cidade neste domingo e acompanhou o concerto “O império brasileiro e sua música”, do Coral dos Canarinhos de Petrópolis, na Concha Acústica do Museu Imperial. A atração, realizada no último dia da 26ª Bauernfest, mostrou que a música clássica pode ser uma das vertentes para o turismo.
Durante a apresentação, o canarinho Lucas Mathias interpretou o mordomo-mor do Palácio Imperial, Paulo Barbosa, contando, entre uma canção e outra, histórias do Império desconhecidas do grande público.  No repertório do concerto estiveram, entre outras canções o “Hino da Independência”, a modinha “Você trata o amor em brinco” (Marcos Portugal), “Coro dos Caçadores” da ópera “O Guarani” (Carlos Gomes) e “Lacrimosa” (Réquiem de Mozart). O Coro foi acompanhado pelo pianista Ramon Theobald.
O concerto também exaltou a importância do canto coral na cultura brasileira, enaltecendo o incentivo de D. Pedro II às manifestações culturais. “Fiquei impressionada com a qualidade. Os meninos cantam muito bem, e o repertório foi muito bem escolhido. Estão todos de parabéns”, afirmou a professora de História, Glória Corrêa.
A mesma impressão foi sentida pelo médico Edson Boasquevisque, que é de Minas Gerais e mora em Petrópolis há cerca de um ano e meio. “Esta é a segunda vez que eu vejo uma apresentação do Coral dos Canarinhos, e, novamente, gostei muito. O maestro escolheu muito bem o repertório, e a composição da apresentação foi de bom gosto. O pianista também demonstrou um grande talento”, destacou.
Esta foi a segunda apresentação do projeto “O Império Brasileiro e sua Música”, que integra o projeto Tour da Experiência, no Museu Imperial. Outras apresentações em parceria com a instituição estão sendo programadas. De acordo com a coordenadora de projetos do IMCP, Rose Mello, o turismo é um mercado novo para a música clássica. "A parceria com o Museu Imperial está sendo muito gratificante para o Instituto. Os concertos no antigo Palácio abrem novas possibilidades para o coral que mantém um maior contato com o público local e permite os turistas conhecerem um pouco mais do nosso trabalho e da nossa cultura. Sem dúvida, aliar o turismo à música é um ganho para a cidade como um todo", afirmou.
O concerto foi idealizado pelo Instituto e roteirizado pelo professor Nilson Macedo. O Tour da Experiência é desenvolvido pelo Ministério do Turismo, em parceria com o Sebrae e o Instituto Marca Brasil, e tem o objetivo de aumentar o fluxo turístico e a permanência dos visitantes nas cidades participantes, permitindo que os mesmo vivenciem experiências nos destinos escolhidos.
Mais informações sobre as atividades do Instituto dos Meninos Cantores de Petrópolis podem ser consultadas pelo Facebook http://fb.com/canarinhosdepetropolis ou pelo telefone: (24) 2104-4141.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.