O Palácio de Cristal se veste de verde, branco e vermelho para abrigar a sexta edição da Serra Serata, a partir desta sexta-feira (4/9). Até o dia 13 de setembro Petrópolis estará com as cores, sabores e tradições italianas nesta alegre festa promovida pela Prefeitura, por meio da Fundação de Cultura e Turismo, em parceria com a Casa D’Italia Anita Garibaldi e com apoio do Instituto Italiano de Cultura no Rio de Janeiro (IICRIO) e Consulado Geral da Itália. A abertura oficial da festa acontece às 19h e será marcada pelo show “Anima & Cuore” com o cantor Luciano Bruno.

O tema da festa este ano é "Teatro e Poesia", destacando a Commedia dell'arte com intervenções teatrais e decoração temática, e homenagens a dois importantes ícones da literatura: o poeta florentino Dante Alighieri e o poeta petropolitano Raul de Leoni, através de exposições abertas ao público durante todo o período de realização do evento.

“A expectativa é a de que 80 mil pessoas aproveitem toda a programação gratuita dos dez dias de festa, que inclui muita música, dança, teatro e comidas típicas. “A Serra Serata é um evento cultural com grande potencialidade turística, que tem, a cada ano, o seu cenário temático qualificado e a produção cultural valorizada”, disse Evany Noel, presidente interina da FCTP.

Até o dia 13, último dia da Serra Serata, outros nomes de
destaque também se apresentarão na festa, como Fred Rovella, Luiz Gamonall, Anna Hannickel, Quarteto Italia Nostra, Roberto Perrota e Grupo E La Nave Va, Felipe Depoli Quinteto, Monica Campos e Eduardo Fernandes, Banda Fábrica, Quartifusa Ensemble, Baile de Máscaras com o Grupo Finestra Del Cuore e Concerto Internacional Andrea Marcelli Trio no Theatro D. Pedro. Os corais da cidade trazem todo seu talento para o evento, entre eles o Municipal, Meninas Cantoras, Princesas de Petrópolis, Dó-Ré-Mi e Pro Tempore.
A tradicional culinária italiana poderá ser degustada nas barracas de alimentação e de produtos gastronômicos montadas nos jardins do Palácio de Cristal. O artesanato também marca presença na festa com barracas de produtos feitos por artesãos da cidade, e quem gosta de levar uma lembrança pra casa, vai encontrar uma grande variedade de souvenir no Pantheon de Agrippa.

Na programação, estão ainda oficinas de gastronomia realizadas em parceria com o Senac e o Festival de Filmes Italianos no Centro de Cultura Raul de Leoni, que vai exibir clássicos como “A vida é bela”, “Casanova e a revolução”, “Matrimônio à italiana”, dentre outros. Danças folclóricas, oficina de confecção de máscaras, concurso de poesia, recreação infantil, esquetes teatrais, bandas marciais, concertos e a clássica gôndola no jardim estão entre as atrações oferecidas para o público.

A denominação da festa foi escolhida por trazer a combinação entre as palavras SERRA, que constitui uma espécie de marca geográfica da identidade petropolitana, e SERATA, que em italiano remete de forma festiva a um período da noite. Segundo estimativas, um terço do povo petropolitano descende desses primeiros imigrantes e a Serra Serata vem com o intuito de enaltecer a italianidade e o sentimento de pertencimento dos descendentes de imigrantes italianos em Petrópolis, além de celebrar sua valiosa contribuição no desenvolvimento social, econômico e cultural do município.


Abaixo segue o horário de funcionamento, informações sobre os artistas e a programação completa da sexta edição da Serra Serata.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Dia 4 – das 18h às 24h
Dia 5 – das 10h às 24h
Dia 6 – das 10h às 24h
Dia 7 – das 10h às 22h
Dia 8 – das 16h às 22h
Dia 9 – das 15h às 22h
Dia 10 – das 16h às 22h
Dia 11 – das 16h às 24h
Dia 12 – das 10h às 24h
Dia 13 – das 10h às 22h


SOBRE OS ARTISTAS

ANNA HANNICKEL - A jovem soprano é Bacharel em Canto pela UFRJ e vem se destacando no cenário musical carioca como solista em shows e concertos no Brasil e no exterior. Acompanhada por instrumentistas graduados em Universidades de Música que tocam em Orquestras Sinfônicas, apresentará um grande repertório de músicas Italianas, desde as mais populares, a grandiosas Arias de ópera. Com um show diferente e inovador, Anna trará para Petrópolis os grandes concertos ao ar livre que acontecem até hoje por toda a Itália, mostrando ainda mais a cultura desse país que tanto encanta ao mundo. Os espectadores farão uma viagem ao ouvir os agudos e o soar da voz que emociona por onde passa.

BANDA FÁBRICA - “Equilíbrio Distante” - Formada há cinco anos, a banda já se tornou conhecida do público petropolitano e está conquistando seus próprios fãs pelo trabalho que vem desenvolvendo nos últimos anos de tributo à Legião Urbana. Eles reinterpretam o repertório de seus ídolos utilizando sua própria emoção e sensibilidade artística, depois de terem se dedicado durante muito tempo a um aprofundado estudo sobre o grupo de Renato Russo, de sua obra e da época em que ela foi criada.

BANDA DO 32º BATALHÃO – BIMTZ - A Banda de música do 32º Batalhão de Infantaria Motorizado (32º BIMtz) existe há trinta anos, sendo famosa pelas suas apresentações e formação dos seus músicos. Seu nome histórico faz homenagem ao criador do Batalhão, Dom Pedro II.

CATARINA MAUL - Pedagoga, produtora cultural, apresentadora e diretora de TV, Chefe da Divisão de Atividades Culturais e Artísticas da Secretaria Municipal de Educação, escritora, presidente da Academia Brasileira de Poesia – Casa de Raul de Leoni, sócia e coordenadora editorial da Bem Cultural Editora. 

CORAL DÓ-RÉ-MI - O Coro Modelo do Programa Canta Petrópolis é formado por alunos da Escola São Judas Tadeu na Mosela. São 45 meninos e meninas entre 8 e 15 anos de idade. Sob a direção e regência do maestro Leonardo Randolfo, o grupo musical foi fundado por ele em 2002 juntamente com Mônica Chung, diretora da escola. O coro sempre se destacou no cenário artístico-musical apresentando-se em várias salas de concerto, teatros, templos religiosos e locais públicos. Atualmente o coro interpreta um repertório mais diversificado em gênero e performances. O espetáculo “Vitrine” estreado em 2015, possui um repertório que vai do clássico ao popular e do pop internacional à música regional. A nova linha de atuação do Dó Ré Mi propõe que, cada vez mais, sejam disponibilizadas às crianças as ferramentas necessárias para o desenvolvimento de novas competências e do senso crítico como uma formação completa.

CORAL MENINAS CANTORAS DE PETRÓPOLIS - A experiência que começa em 1976 somada à maneira inovadora de suas interpretações musicais faz deste singular conjunto de meninas um autêntico ponto de referência e fonte de inspiração para outros similares. São internacionalmente reconhecidas pela beleza excepcional de seu canto e por um poder de encantamento único, comparado simbolicamente ao Cantar dos Anjos. Sendo o 1º grupo criado no País formado exclusivamente por Meninas, tem se dedicado nos últimos anos aos grandes shows populares, muitos realizados em grandes espaços ao ar livre para milhares de espectadores mas sem perder jamais a tradição nas oportunidades em que são convidadas para atuar sob a regência de renomados maestros ao lado de importantes orquestras, quando interpretam páginas dos grandes mestres, seja a música sacra, oratórios, coros de óperas, etc.

CORAL MUNICIPAL DE PETRÓPOLIS - Fundado em 1976 pelo Maestro Ernani Aguiar e atualmente regido pelo maestro Paulo Afonso Filho, é composto por 40 cantores e faz parte da identidade cultural da Cidade Imperial. Dedicado principalmente à música sacra, se apresenta regularmente nas missas da Catedral São Pedro de Alcântara. Em seus concertos, impressiona o público pelo repertório eclético, que inclui composições eruditas e populares, nacionais e internacionais. Já se apresentou com orquestras importantes, tais como Orquestra Sinfônica Brasileira, Camerata de Santa Thereza, Orquestra Sinfônica da Petrobras, Orquestra de Câmara da Uni-Rio e Orquestra Sinfônica Nacional, dentre outras, e se tornou um ponto de referência do canto coral no Brasil.

CORAL PRINCESAS DE PETRÓPOLIS - Inspirado no interesse dos estudantes pela música e pelo canto, o Coral foi fundado, em 1999, pelo maestro Leonardo Bruno, e hoje está sob a regência e arranjos do maestro Rodrigo D'Avila. Pouco tempo após a formação, o Coro gravou seu primeiro CD e o repertório e carisma das "PRINCESAS DE PETRÓPOLIS" mereceram destaque junto a algumas das principais rádios do país, onde concederam entrevistas sob a veiculação da música "Marcas do que se foi", destaque do CD, "Novos Tempos". A música chegou a contar com versões especiais, com a participação de nomes famosos como Padre Marcelo Rossi, Zezé de Camargo, Chitãozinho e Xororó, entre outros. As “Princesas” são preparadas para cantar, desde MPB, como “Eu sei que vou te amar”, de Tom Jobim, até música erudita, como o “Magnificat”, de Bach, entre outros estilos musicais. As meninas também têm experiência em cantar para diferentes tipos de platéia e lugares, como igrejas e grandes eventos populares, tal qual o realizado pela TV Globo, no Aterro do Flamengo (RJ), reunindo mais de 650 mil pessoas. 

CORAL PRO TEMPORE - Dirigido e regido desde sua fundação pelo maestro Paulo Affonso Filho. Formado com o intuito de motivar o canto coral na faixa etária da “melhor idade”, incentivando essa prática já peculiar em Petrópolis, cumprindo com louvor esse papel desde 2000.

CORAL QUARTIFUZA ENSEMBLE - Conjunto especializado em interpretar obras do período renascentista, barroco e do período colonial brasileiro, com destaque para as modinhas, música que marcou o início do séc. XX nos saraus e reuniões musicais. É formado pela soprano Cristina Carlos e os músicos Demetrio e Jaqueline Moreira (violino), Maicon (violoncelo), Frederico Kochem (oboé) e Rodolfo de Souza Braga (viola). Tem a direção e regência do maestro Paulo Afonso Filho. Foi criado com o objetivo de melhorar a condição vocal de seus participantes através do gosto pela música popular brasileira em todos os níveis. Desde 2001 participa do Movimento Coral Petropolitano, presente nas programações natalinas e em diversos eventos da cidade.

DUO VITTORIA - Com formação erudita e ampla experiência em apresentações de músicas eruditas e populares, o duo é composto por músicos de reconhecimento internacional: Rodrigo d’Avila, que toca violão e bandolim, e Rafael Geraets ao violino. Eles também integram o Trio Extemporâneo. Interpretam músicas italianas em apresentação musical itinerante nos jardins do Palácio de Cristal.

FELIPE DEPOLI QUINTETO - “Projeto Italian Jazz” - Contrabaixista, compositor, diretor musical e arranjador, fundador do Grupo Quarteto Serra Velha, vencedor duas vezes do Prêmio Maestro Guerra Peixe, o músico petropolitano apresenta uma proposta de releitura de clássicos da música italiana popular e erudita, com arranjos originais que dão personalidade ao trabalho. O quinteto é formado por Felipe Depoli (contrabaixo, direção musical e arranjos), Wiliam Belle (guitarra), Coquinho (bateria), Rodrigo D’ávila (piano e flauta) e Júlio Merlino (sax tenor e flauta). O show aborda canções compostas por Ennio Morricone e Nino Rota, dentre elas as trilhas sonoras dos filmes “Cinema Paradiso” e “O Poderoso Chefão”, músicas populares como “Volare”, “Estate” e “Parole Parole”, e músicas eruditas, como a “Tarantella Napoletana”. Todas essas músicas se encontram no inconsciente coletivo, e neste trabalho são interpretadas com um abordagem instrumental e jazzística através de arranjos com abertura para improvisações e da exploração de ritmos populares.

FRED ROVELLA - Tenor dramático, formado em canto lírico, teoria e solfejo. Considerado hoje o melhor show italiano do Brasil, com uma seleção italiana que reúne os imortais sucessos do passado, sucessos de ouro e as grandes tarantellas. No repertório, os clássicos “’O Sole Mio”, “Torna a Surriento”, “Surdato ‘Nnammurato”, a época de ouro da música italiana: “Amore Scusami”, “Sapore di Sale”, “Dio Come Ti Amo”, “Volare”, os últimos sucessos atuais: “Con Te Partirò”, “Imbranato”, “La Forza Della Vita”, “Vivo Per Lei”, e a alegria das tarantellas: “Funiculi Funiculà”, ‘Zazà”, “Reginella Campagnola” e “Mazzolin Di Fiori”. O cantor executa as mais belas canções do mundo e encanta as mais diferentes plateias com um show espetacular e envolvente.

GRAN CIRCO TEATRO POPULAR - Integrado pelos artistas petropolitanos Altair Correia, Cristiane Carvalho, Dimi, Fábio Branco e Giuliano Gaspar, o grupo é formado nos moldes das trupes de teatro renascentista. Seu trabalho mistura elementos do circo e da commedia dell’arte, forma de teatro popular improvisado, itinerante, que começou na Itália no séc. XV. Direção geral de Nathan Cardoso.

GRUPO FINESTRA DEL CUORE - O grupo começou a conquistar os ouvidos da comunidade de descendência italiana e mesmo dos incontáveis fãs da música italiana com sua forma absolutamente peculiar de interpretar os sucessos deste repertório tão rico. Formado há quase 15 anos, o grupo tem feito shows que cobrem desde as canções folclóricas até os modernos sucessos românticos de compositores italianos, abrangendo muitas décadas de música e diversos estilos diferentes através de arranjos ousados para os teclados. A síntese destes espetáculos que misturam música e teatro está registrada em "Il Viaggiatore", CD que o grupo está lançando de forma independente em todo o País. O Romantismo a alegria e a tradição cantados e encenados num mágico espetáculo, com visual moderno, figurino arrojado, dramatizações e performances de palco surpreendentes.

GRUPO PETRÓPOLIS DANÇAS FOLCLÓRICAS
Núcleo italiano “La Fontana di Trevi” - Fundado em 24 de fevereiro de 1996, tem por objetivo a divulgação da cidade de Petrópolis. O publico é envolvido em um clima alegre e festivo, faz uma viagem no tempo e no espaço, pois é levado pelas danças a regiões da Itália onde o folclore não era história, mas a realidade do dia a dia. Os integrantes são dançarinos amadores, dividido em duas categorias (adulto e infantil), que ao final de cada apresentação, manifestam sua vontade de crescimento contínuo, e têm em comum o amor pela historia e pela dança.

LUCIANO BRUNO
Show “Anema & Core” - Desde os seis anos de idade ligado ao mundo da arte, o cantor, músico e compositor italiano levou a Itália no coração e na voz para cada país que visitou em suas turnês. Esse prazer de falar da sua terra através da música, lhe permitiu desfrutar com orgulho do título de “Cavaliere Dell’Ordine Della Stella Della Solidarietà Italiana”, concedido pelo presidente Giorgio Napolitano. Retornando ao palco da Serra Serata, o artista dedica o show ao público que vivencia uma paixão chamada Itália. O repertório é traduzido em sentimentos: o romantismo de “Il mondo”, “Dio come ti amo” e “Caruso”, a alegria de “Tu vuò fa l’americano”, “Mamma Maria” e “Datemi un martelo”, a esperança de “Nel blù dipinto di blù – Volare” e a felicidade de “Funiculì funiculà”. As canções italianas que fizeram sucesso em versões brasileiras como “Tintarella di luna” (Banho de lua – na voz de Celly Campello) e “E po’ che fà” (Bem que se quis – na voz de Marisa Monte), também estarão presentes. Com interpretações marcadas pela emoção, não faltarão sucessos que acompanham sua carreira.

LUIZ GAMONALL - Formado em canto lírico pelo conservatório de música Haidée França Americano, canta o gênero pop lírico, estilo musical que se difundiu rapidamente por todo o mundo utilizando o canto lírico em músicas populares, dando grande emoção nos momentos mais fortes das músicas. Com 12 anos de carreira profissional, o cantor, compositor e produtor já se apresentou em diversos países como: Itália, Argentina, Peru, Paraguai, Espanha e Portugal. Com um repertório romântico e também descontraído, cria-se um ambiente muito agradável tocando o coração e a alma de quem os ouve. Seu repertório é formado por músicas próprias e de grandes cantores como Andrea Bocelli, IL Volo, Roberto Carlos, Elvis Presley, IL Divo, Frank Sinatra, Fábio Jr, entre outros grandes nomes da música nacional e internacional.

MONICA CAMPOS E EDUARDO FERNANDES - Show “Árias Italianas” - Uma apresentação com obras de autores italianos, especialmente as árias barrocas e renascentistas, que foram antecessoras a ópera de fato e contribuíram para o seu desenvolvimento. A formação canto e piano remonta ao mais original possível, pois na época as originais eram escritas para canto e cravo e algumas ganhavam posterior orquestração. Obras de caráter diversificado, que vão desde as tradicionais canções de amor até os fatos da vida cotidiana trazem diferentes momentos sonoros causando uma apresentação viva e interessante com momentos mais solenes, outros intensos e outros alegres. Em suma, um recital tipicamente italiano com muita alma e intensidade, executado por músicos experientes que levam sua interpretação ao máximo, o resultado é um trabalho belo e esmerado.

QUARTETO ITALIA NOSTRA - É composto por três cantores de formação lírica e um músico tecladista: Patrícia Scagliusi (soprano), que começou no Coral das Meninas Cantoras de Petrópolis; Waldemar “Mamá” Mota (tenor); Angelo Tribuzy (barítono) e André Mendes (tecladista). Individualmente, participam também de outros grupos, de música erudita ou popular, e todos estiveram em apresentações de sucesso no país e no exterior.

PROGRAMAÇÃO

04/09 – SEXTA-FEIRA (18h às 24h)
19h – Solenidade de abertura com presença de autoridades petropolitanas e italianas (Palácio de Cristal)
Homenagem especial Serra Serata 2015 aos poetas Dante Alighieri e Raul de Leoni
Homenagem da Prefeitura de Petrópolis e da Casa D`Italia Anita Garibaldi a cidadãos petropolitanos de destaque, de origem italiana.
Participação: Coral Municipal de Petrópolis. Regente: Maestro Paulo Affonso Filho e apresentação de danças folclóricas italianas – Grupo Petrópolis Danças Folclóricas – Núcleo italiano “La Fontana di Trevi”
19h às 21h – Gondoleiro (Jardim)
21h – Show “Anema & Core” – Luciano Bruno (Palco Anita Garibaldi)

05/09 – SÁBADO (10h às 24h)
11h às 13h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
13h – Apresentação musical itinerante – Duo Vittoria (Jardim)
14h às 16h – Gondoleiro (Jardim)
15h – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
15h às 17h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
17h – Apresentação do Coral Pro Tempore, com participação especial de Cristina Carlos. Regente: Maestro Paulo Affonso Filho (Palco Anita Garibaldi).
19h – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
19h às 21h – Gondoleiro (Jardim)
20h – Apresentação de danças folclóricas italianas – Grupo Petrópolis Danças Folclóricas – Núcleo italiano “La Fontana di Trevi” (Palácio de Cristal)
21h – Show Fred Rovella (Palco Anita Garibaldi)

06/09 – DOMINGO (10h às 24h)
10h – Missa Solene em memória dos Imigrantes Italianos com o Padre Francesco Montemezzo e participação especial do Coral Usimed (Igreja de Santo Antônio – Rua Santo Antônio, 245, Alto da Serra)
11h às 13h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
13h – Apresentação musical itinerante – Duo Vittoria (Jardim)
14h às 16h – Gondoleiro (Jardim)
14h30 – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
15h às 17h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
16h – Show “Italian Jazz” – Felipe Depoli Quinteto (Palco Anita Garibaldi)
18h – Apresentação de danças folclóricas italianas – Grupo Petrópolis Danças Folclóricas – Núcleo italiano “La Fontana di Trevi” (Palácio de Cristal)
19h – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
19h às 21h – Gondoleiro (Jardim)
20h – Show Anna Hannickel (Palco Anita Garibaldi)

07/09 – SEGUNDA-FEIRA (10h às 22h)
11h às 13h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
12h – Apresentação de danças folclóricas italianas – Grupo Petrópolis Danças Folclóricas – Núcleo italiano “La Fontana di Trevi” (Palácio de Cristal)
13h30 – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
15h às 17h – Oficina de confecção de máscaras – Tema: Carnaval de Veneza (Palácio de Cristal)
17h – Apresentação do Coral Princesas de Petrópolis. Regente: Maestro Rodrigo D’Avila (Palco Anita Garibaldi)
19h às 21h – Gondoleiro (Jardim)
20h – Show “Equilíbrio Distante” – Banda Fábrica (Palco Anita Garibaldi)

08/09 – TERÇA-FEIRA (16h às 22h)
18h – Apresentação do Coral Dó-Ré-Mi. Regente: Maestro Leonardo Randolfo (Palco Anita Garibaldi)
20h – Apresentação do conjunto musical Quartifusa Ensemble. Regente: Maestro Paulo Affonso Filho (Palácio de Cristal)

09/09 – QUARTA-FEIRA (15h às 22h)
15h às 18h – Baile da Feliz Idade (Palácio de Cristal)
19h – Apresentação do Coral Pro Tempore. Regente: Maestro Paulo Affonso Filho (Palco Anita Garibaldi)
20h30 – Show Quarteto Italia Nostra (Palco Anita Garibaldi)

10/09 – QUINTA-FEIRA (16h às 22h)
18h – III Concurso de Poesia “Serra Serata” – Tema: Homenagem aos 120 anos de Raul de Leoni, coordenado por Catarina Maul (Palácio de Cristal)
20h – Apresentação do Coral Municipal de Petrópolis. Regente: Maestro Paulo Affonso Filho (Palco Anita Garibaldi)

11/09 – SEXTA-FEIRA (16h às 24h)
17h – Espetáculo teatral – Gran Circo Teatro Popular (Palácio de Cristal)
18h – Apresentação do Coral Pro Tempore. Regente: Maestro Paulo Affonso Filho (Palco Anita Garibaldi)
19h30 – Apresentação de danças folclóricas italianas – Grupo Petrópolis Danças Folclóricas – Núcleo italiano “La Fontana di Trevi” (Palácio de Cristal)
21h – Show Tenor Luiz Gamonall e Banda do Batalhão Pedro II (Palco Anita Garibaldi)
12/09 – SÁBADO (10h às 24h)
11h às 13h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
11h30 – Apresentação da Banda Marcial Imperial Petropolitana (Jardim)
14h – Apresentação musical itinerante – Duo Vittoria (Jardim)
14h às 16h – Gondoleiro (Jardim)
15h às 17h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
16h – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
17h30 – Show “Árias italianas” – Monica Campos e Eduardo Fernandes (Palácio de Cristal)
19h – Apresentação do Coral das Meninas Cantoras de Petrópolis. Regente: Maestro Marco Aurélio Xavier (Palco Anita Garibaldi)
19h às 21h – Gondoleiro (Jardim)
20h – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
21h – Baile de Máscaras – Grupo Finestra Del Cuore (Palácio de Cristal)

13/09 – DOMINGO (10h às 22h)
11h – Apresentação da Banda Marcial Imperial Petropolitana (Jardim)
11h às 13h – Recreação infantil com o Grupo Faz de Conta (Palácio de Cristal)
13h – Apresentação musical itinerante – Duo Vittoria (Jardim)
14h às 16h – Gondoleiro (Jardim)
14h30 – Apresentação do Coral Dó-Ré-Mi. Regente: Maestro Leonardo Randolfo (Palácio de Cristal)
15h às 17h – Oficina de confecção de máscaras – Tema: Carnaval de Veneza (Palácio de Cristal)
17h – Apresentação de danças folclóricas italianas – Grupo Petrópolis Danças Folclóricas – Núcleo italiano “La Fontana di Trevi” (Palácio de Cristal)
18h – Show Roberto Perrotta e Grupo “E La Nave Va...” (Palco Anita Garibaldi)
19h – Esquete teatral – Commedia dell’Arte (Jardim)
19h às 21h – Gondoleiro (Jardim)
20h – Show Quarteto Italia Nostra (Palco Anita Garibaldi)

Theatro D. Pedro (Praça dos Expedicionários – Centro Histórico)
17h – Concerto Internacional Andrea Marcelli Trio
Entrada: 1 kg de alimento não perecível

EXPOSIÇÕES

“Gravuras Italianas: A Divina Comédia”
A mostra celebra o encontro de artistas plásticos italianos contemporâneos com os poemas que formam o clássico da literatura mundial, “Divina Comédia”, obra-prima do poeta florentino Dante Alighieri (1265-1321), considerada o salto de transição do pensamento medieval ao renascentista. As gravuras ilustram uma edição comemorativa dos 750 anos de nascimento do “Pai da Língua Italiana”, homenageado na Serra Serata 2015. Cem são os capítulos, chamados de cantos, que narram a viagem simbólica do seu autor pelos três mundos do sobrenatural: Inferno, Purgatório e Paraíso. Dante (o homem), o personagem principal da história, é guiado ao inferno e purgatório pelo poeta romano Virgílio (a razão), e ao céu por Beatriz (a fé), musa em várias de suas obras. A proposta visual da exposição acompanha resumidamente esta divisão dos cantos do poema. Curadoria: Profa. Annita Gullo, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Apoio: Instituto Italiano de Cultura do Rio de Janeiro (IICRIO)
Local: Casa de Cultura Imperatriz Teresa Cristina (Jardim do Palácio de Cristal)
Visitação: de 4 a 13 de setembro, das 10h às 22h

“Raul de Leoni: mestre do verso”
Exposição biográfica em parceria com a Academia Brasileira de Poesia – Casa Raul de Leoni - em homenagem ao grande patrono e poeta petropolitano. A mostra é o reconhecimento de Petrópolis a uma das figuras mais notáveis do soneto brasileiro de todos os tempos, por meio de reproduções de fotografias e documentos históricos. Seus versos são considerados dos mais perfeitos: em ideia, filosofia e essência das temáticas, aspectos muito fortes em toda sua obra. O nome de Raul de Leoni é dos mais reconhecidos pela crítica brasileira e, apesar de sua escassa obra, sua poesia é atemporal e de uma grandeza tal que o introduz no seleto grupo dos poetas imortais.
Local: Interior do Palácio de Cristal
Visitação: de 4 a 13 de setembro, das 10h às 22h

“Raul de Leoni e o Jardim dos Sonetos”
Soneto é um poema de forma fixa, composto por quatorze versos, de origem atribuída a poetas da Sicília ou da Provença. Raul de Leoni, poeta brasileiro, petropolitano, se destacou ao longo de sua trajetória principalmente pelos sonetos de métricas perfeitas, repletos de metáforas e de concepções filosóficas extraordinárias. Em sua homenagem, alunos das escolas municipais produziram cartazes sobre a vida e obra deste ícone da literatura, a partir de uma palestra realizada no CEU – Praça Corta Rio, ministrada pelo Professor Joaquim Eloy.
Local: Centro de Artes e Esportes Unificados da Praça Corta Rio (Estrada União Indústria, s/nº – Posse, ao lado do CIEP Gabriela Mistral)
Visitação: de 4 a 13 de setembro (segunda a sexta-feira), das 9h às 17h

“70 anos do fim da 2ª Guerra Mundial”
O Museu da FEB (Força Expedicionária Brasileira), Regional Petrópolis, preserva atualmente 1967 acervos doados pelos “febianos” e seus familiares. Da cidade de Petrópolis embarcaram para a Itália 200 petropolitanos para lutar na 2ª Guerra Mundial, dos quais cinco faleceram em combate. Em 2015 comemoram-se os 70 anos do fim da guerra. Em exposição encontram-se fardas, selos, utensílios de uso pessoal, fotos, medalhas, terra do cemitério de Pistoia, símbolo da “Cobra Fumando” e foto do emblemático e histórico grito de guerra “Senta a Pua!”, além de veículos contemporâneos ao período da campanha da FEB em solo italiano, pertencentes ao acervo do Imperial Jeep Club. 
Local: Museu da FEB – Força Expedicionária Brasileira (Avenida Koeler, 255 – Centro Histórico)
Visitação: Durante o período da Serra Serata, o Museu funcionará excepcionalmente de segunda a sábado, das 10h às 17h, exceto dia 7 de setembro, em função do Desfile Cívico.


OFICINAS DE GASTRONOMIA ITALIANA – SENAC

Oficinas organizadas pelo SENAC, em parceria com a Fundação de Cultura e Turismo de Petrópolis, inteiramente gratuitas. 

04/09 – sexta-feira, 14h: Workshop Itália: Sobremesas clássicas italianas – chef Riciê Anjos

05/09 – sábado, 10h: Workshop Itália: Foccacia – chef Pedro Pernambuco
11/09 – sexta-feira, 14h: Workshop Itália: Massas Frescas – chef Susie Tatai

Unidade SENAC Petrópolis (Rua Alfredo Pachá, 26 – Centro Histórico)
Inscrições gratuitas até uma hora antes do evento, na secretaria da unidade.

FESTIVAL DE FILMES ITALIANOS

Cine Humberto Mauro – Centro de Cultura Raul de Leoni
(Praça Visconde de Mauá, 305 – Centro Histórico)

03/09 – Quinta-feira, 16h e 19h
A árvore dos tamancos” – Drama. Direção: Ermano Olmi. Elenco: Antônio Ferrari e Francisca Moriggi. Classificação: 12 anos.

04/09 – Sexta-feira, 16h e 19h
Respiro” – Drama. Direção: Emanuele Crialese. Elenco: Attilio Lucia e Valéria Golino. Classificação: 16 anos.

05/09 – Sábado, 17h
“O primeiro que disse” – Comédia. Direção: Ferzan Ozpetek. Elenco: Ricardo Scarmacio e Daniele Pecci. Classificação: 12 anos.

06/09 – Domingo, 15h
“A vida é bela” – Drama/Comédia/Guerra. Direção: Roberto Benigni. Elenco: Roberto Benigni, Nicoletta Braschi, Horst Buchholz e Marisa Paredes. Classificação 14 anos.

07/09 – Segunda-feira, 16h
“O preço da vida” – Drama. Direção: Marco Tullio Giordana. Elenco: Allesio Boni e Michela Cescon. Classificação 14 anos.

08/09 – Terça-feira, 16h e 19h
“Malena” – Drama/Romance. Direção: Giuseppe Tornatore. Elenco: Monica Belucci, Giuseppe Sulfaro e Luciano Federico. Classificação: 14 anos.

09/09 – Quarta-feira, 16h e 19h
“Habemus Papam” – Comédia. Direção: Nanni Moretti. Elenco: Michel Picolli e Alexandre Zanon. Classificação: livre.

10/09 – Quinta-feira, 16h
“Casanova e a revolução” – Drama. Direção: Ettore Scola. Elenco: Marcello Mastroianni e Hanna Schygulla. Classificação: 16 anos.

11/09 – Sexta-feira, 16h e 19h
“Cesar deve morrer” – Aventura. Direção: Paolo Vittorio Taviani. Elenco: Salvatore Striano e Cosimo Rega. Classificação: livre.

12/09 – Sábado, 17h
“Vermelho como o céu” – Aventura. Direção: Cristiano Bortone. Elenco: Luca Capriotti, Paollo Sassaneli e Marco Coco. Classificação: livre.

13/09 – Domingo, 15h
“Matrimônio à italiana” – Comédia. Direção: Vittorio de Sica. Elenco: Sophia Loren e Marcello Mastroianni. Classificação: livre.

** Programação sujeita a alterações**

Todas as atrações são inteiramente gratuitas.
Outras informações no site: www.petropolis.rj.gov.br ou pelo Disque Turismo: 0800 024 1516.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.